Notícias

Cacá Bueno e Sérgio Jimenez ficam bem próximos do pódio, cruzando a linha de chegada em quarto

Mais um pódio para o BMW Team Brasil na temporada 2015 do Blancpain Sprint Series. Neste domingo (dia 7), no circuito de Zolder, na Bélgica, Átila Abreu e Valdeno Brito conquistaram o terceiro pódio na categoria este ano, cruzando a linha de chegada na terceira colocação na Corrida Principal. Os companheiros Cacá Bueno e Sérgio Jimenez ficaram logo atrás, chegando em quarto. A vitória fioi novamente da dupla Robin Frijns e Laurens Vanthoor (Belgian Audi Club Team WRT Audi R8 LMS Ultra), que lidera a competição, com 68 pontos. Abreu e Valdeno são agora os vice-líderes, com 41 pontos. O BMW Team Brasil também é o vice-líder no campeonato de equipes.

A prova deste domingo, como a do dia anterior, começou com um acidente logo na largada, quando o Bentley #84 e a Ferrari #333 se tocaram. Pior para a Ferrari, que ficou na brita. Abreu, que largou com o BMW Z4 #77, pulou de quinto para segundo e travou uma dura batalha com o Audi #2, que acabou ultrapassando o carro brasileiro. Bueno, que largou com o BMW Z4 #0 em sexto, também ganhou uma posição na largada.

No pit stop do carro 77, Abreu e Valdeno enfrentaram um problema com o cinto de segurança e acabaram perdendo uma posição. Já Cacá e Jimenez fizeram uma parada perfeita e os mecânicos brasileiros ganharam mais uma fez a disputa do Pit Stop Challenge, com a troca mais veloz do final de semana.

De volta à pista, Valdeno se manteve em terceiro, mas sofreu pressão de Jimenez no final. Os dois carros do time brasileiro, comandado por Antonio Hermann e Washington Bezerra, cruzaram a linha de chegada colados.

“Um final de semana que começou quase perdido, com a perda da melhor volta no classificatório e que nos fez largar de 15º na prova de sábado. Terminar a Corrida Principal no pódio é mérito do trabalho de toda a equipe. Infelizmente, hoje, tivemos um problema com o cinto de segurança, que nos fez perder a segunda posição nos boxes, mas creio que o terceiro lugar era mesmo o melhor que poderíamos”, comentou o paraibano Valdeno Brito.

“No final, como não dava para atacar o segundo colocado, apenas administrei a vantagem para o Jimenez, tentando não cometer erros, pois o carro começou a ficar desequilibrado. Estar em segundo lugar em um campeonato mundial é realmente muito gratificante”, comemorou o piloto, que ao lado de Abreu já tinha subido ao pódio em Brands Hatch, na Inglaterra, com dois segundos lugares. Vale lembrar que a dupla não disputou a primeira etapa do ano, em Nogaro (Fra), pois a data coincidia com a Stock Car. Naquela prova, o time brasileiro venceu uma das corridas com Dirk Müller e Maxime Martin, que correram como convidados.

Abreu também deixou a pista belga bastante satisfeito. “Um final de semana bem difícil, bem tumultuado, mas junto com a equipe conseguimos fazer a ‘lição de casa’ e sair com mais um pódio. Três pódios em quatro corridas nos deixa muito felizes. Quando a gente lembra que largamos em 15º ontem, nem mesmo o mais otimista poderia imaginar que brigaríamos pelo pódio, mas com a boa largada do Valdeno ontem, a gente chegando em quinto, animou um pouco mais”, lembrou o piloto de Sorocaba, no interior de São Paulo.

“Hoje, sabíamos que para ter alguma chance, precisaríamos largar bem e consegui largar melhor do que eu esperava, pulando para segundo. Fizemos o pit logo que abriu a janela, mas pela primeira vez tivemos um problema e não conseguíamos encaixar o cinto. Eu e o Valdeno ‘batemos um pouco a cabeça ali’ e perdemos um tempo precioso, o que nos custou a segunda posição. Mas foi um resultado dentro do ritmo que nós tínhamos. Estamos muito felizes, somos vice-líderes do campeonato, mesmo não tendo disputado uma corrida, a equipe vem fazendo um grande trabalho, só temos a comemorar e continuar trabalhando para extrair resultados cada vez melhores, e seguir na briga pelo título”, finalizou Abreu.

Já Jimenez lamentou não terem chegado ao pódio. O BMW Z4 #0 tinha tudo para brigar por um resultado melhor desde a prova de sábado, quando largou em oitavo, mas para evitar um acidente Jimenez foi obrigado a ir pra brita e caiu para último na largada. Mesmo assim, ele e Cacá fizeram uma excelente prova de recuperação, chegando em sexto. E, neste domingo, ficaram bem próximos do terceiro lugar.

“Trabalhamos bem. Perdemos o pódio na largada de ontem, principalmente. Hoje, também teve um acidente logo na largada e o Cacá teve de frear e perdemos um pouco. Em compensação, nosso pit foi ótimo, tanto que ganhamos como o melhor pit stop do fim de semana. Para a equipe foi um grande resultado, mas para o carro 0 fica o gosto amargo do quase pódio novamente”, disse Jimenez, que ao lado de Cacá, ocupa a sexta posição no campeonato.

A próxima etapa do Sprint Series será entre os dias 3 a 5 de julho, nas ruas de Moscou, na Rússia. Antes, porém, o time brasileiro disputa a 3ª etapa da série endurance, em Paul Ricard, na França, nos dias 19 e 20 deste mês.

Neste final de semana, a organização do Blancpain Sprint Series também anunciou a mudança de data e local da última etapa de 2015. A prova final, programada inicialmente para Baku, no Azerbaijão, no final de outubro, será disputada agora em Zandvoort, na Holanda, nos dias 10 e 11 de outubro.

Confira os melhores na Corrida Principal em Zolder:

1 Robin Frijns, Laurens Vanthoor (Belgian Audi Club Team WRT Audi R8 LMS Ultra) 39 voltas
2 Vincent Abril, Maximilian Buhk (Bentley Team HTP Bentley Continental GT3) a 9s944
3 Atila Abreu, Valdeno Brito Filho (BMW Sports Trophy Team Brasil BMW Z4) a 13s609
4 Caca Bueno, Sergio Jimenez (BMW Sports Trophy Team Brasil BMW Z4) a 14s041
5 Niki Mayr-Melnhof, Markus Winkelhock (Phoenix Racing Audi R8 LMS Ultra) a 19s289
6 Jules Szymkowiak, Tom Dillman (Bentley Team HTP Bentley Continental GT3) a 21s671
7 Stephane Ortelli, Stephane Richelmi (Belgian Audi Club Team WRT Audi R8 LMS Ultra) a 22s635
8 Filip Salaquarda, Marco BonanomiI (SR Audi R8 LMS Ultra) a 29s817
9 Albert von Thurn und Taxis, Peter Kox (Reiter Engineering Lamborghini Gallardo LP 560-4 R-EX) a 30s631
10 Sean Walkinshaw, Craig Dolby (MRS GT Racing Nissan GT-R Nismo GT3) a 40s606

Classificação do Campeonato Sprint Series (Top-10, após três etapas):
1) Robin Frijns/ Laurens Vanthoor (Belgian Audi Club Team WRT, Audi R8LMS Ultra), 68
2) Átila Abreu/Valdeno Brito Filho (BMW Sports Trophy Team Brasil BMW Z4), 41
3) Stephane Richelmi/ Stephane Ortelli (Belgian Audi Club Team WRT, Audi R8), 34
Vincent Abril/Maximilian Buhk (Bentley Team HTP, Bentley Continental GT3), 34
5) Maxime Martin/ Dirk Müller (BMW Sports Trophy Team Brasil, BMW Z4), 31
6) Sérgio Jimenez/Cacá Bueno (BMW Sports Trophy Team Brasil BMW Z4), 27

7) Niki Mayr-Melnhof/ Markus Winkelhock (Phoenix Racing, Audi R8 LMS Ultra), 22
8) Christopher Mies/Enzo Ide (Belgian Audi Club Team WRT, Audi R8 LMS Ultra), 19
Marco Seefried/Norbert Siedler (Rinaldi Racing, Ferrari 458 Italia), 19
10) Kevin Estre/Rob Bell (Attempto Racing, McLaren 650 S GT3), 17

Para mais informações sobre a equipe acesse:
www.bmwteambrasil.com.br
Facebook: facebook.com/bmwteambrasil
Twitter: twitter.com/bmwteambrasil

Informações para Imprensa
FGCom
Fernanda Gonçalves / Beatriz de Paula
Tel: 11 4116-5509
fernanda@fgcom.com.br / beatriz@fgcom.com.br
www.fgcom.com.br

Marketing
HUB-LUB

Beto Juliano
Tel. 11 5531.8794
contato@hub-lub.com.br

 

  • Tags: 3ª etapa, Blancpain Sprint Series, BMW Team Brasil, Zolder,
  • Compartilhamento:

Categorias

Visualizar notícias por: