Notícias

Pilotos da Cavaleiro Sports falam sobre novidades e vivem expectativa para definição do grid

  • 04.03.2016
  • Categoria: Stock Car
  • Fonte: FGCom

Beto Cavaleiro/Sérgio Jimenez e Popó Bueno/Betinho Gresse trabalham nos acertos dos Stock #73 e #74 nos treinos livres desta sexta-feira em Curitiba

Com dois treinos livres nesta sexta-feira (dia 4), os pilotos da Stock Car seguiram os preparativos para a etapa inicial de 2016 no autódromo internacional de Curitiba, em Pinhais (PR). A pista recebe a Corrida de Duplas neste domingo (6) e terá neste sábado (5) a definição do grid de largada ao meio-dia, com transmissão ao vivo do SporTV.

Na equipe Cavaleiro Sports, Popó Bueno e seu convidado Betinho Gresse, no Stock #74, e Sérgio Jimenez e Beto Cavaleiro, no carro #73, trabalharam nos acertos dos carros e comentaram sobre as novidades para a temporada. O carro ganhou difusores, tanque e sistema de direção novos, mais leves, que provocaram mudanças na performance dos carros, exigindo um “recomeço” no trabalho de acerto.

No treino livre da manhã, Jimenez/Cavaleiro ficou em 17º, fechando em 20º no treino da tarde. Bueno/Gresse completou em 23º no primeiro treino e encerrou o dia em 24º. A melhor volta do dia ficou com a dupla Felipe Fraga/Rodrigo Sperafico, da Voxx Racing Team, que virou em 1min19s034.

“O mais importante é que começamos e o carro não teve nenhum problema técnico. O carro funcionou super bem, não teve problema de bateria, de combustível, nenhuma falha e isso é super positivo numa equipe que está ‘recomeçando’. Em termos de performance, a gente começou com um carro que acreditava que funcionaria, mas mudou muita coisa no carro, principalmente na frente. Mudou completamente o conceito de acerto dele, então tivemos que começar tudo de novo”, comentou Jimenez, que também falou sobre o problema de falta de pneus novos, já que os jogos “zero” foram reduzidos para este ano.

“A gente vem com pneus do ano passado, muito catado, cada um de uma corrida e isso dificulta. Mesmo assim a gente foi trabalhando e evoluindo o carro. Sempre que a gente mexeu, foi para frente. Fizemos um tempo de 1min19s9 com pneu bem rodado e eu não sei a condição de pneu de todo mundo. Vi algumas pessoas passando pneu zero. Então acho que a posição não demonstra a nossa real performance. Acho que quando a gente colocar um pneu melhor e conseguir ajustar o carro, vamos dar um pulo para frente”, completou o piloto, que faz sua estreia na equipe Cavaleiro.

Chefe do time e retornando ao cockpit, Cavaleiro mostrou-se satisfeito. “Como tive de entrar como piloto principal e não convidado, eu perdi o treino de uma hora para os pilotos convidados. Isso fez com que eu ficasse um pouco fora, mas em cinco voltas eu já cheguei muito próximo dos tempos deles e fiquei feliz com isso. O Jimenez vem acertando bem o carro e peguei um carro extremamente bom. Estava sem andar de Stock há um ano e meio, então gostei muito”, declarou Cavaleiro que comanda o time há três temporadas, depois de ter corrido na Stock em 2013 e 2014.

Popó Bueno, que deu ao time seu primeiro pódio na história, justamente em Curitiba no ano passado, também falou sobre as mudanças para 2016. “Acho que mudou um pouco o conceito do carro, por algumas mudanças técnicas que tiveram. É importante a gente entender o que isso significa em termos de setup e acerto. Juntando tudo isso, o piloto convidado também tem que se adaptar ao carro, então são duas coisas acontecendo paralelas. O grande problema é em função de não ter pneus para treinar. Se você juntar em horas, são horas consideráveis de treino, mas não tem pneu. O acerto fica muito comprometido por causa disso também. É uma corrida que não significa tanto para os pilotos na disputa do campeonato, já que a vitória vale só seis pontos, mas significa muito para você acertar o carro, se ambientar junto com a equipe, se acertar com os mecânicos, engenheiros e isso é um caso todo novo. Mas acredito que será um ano bem promissor. Então, vamos esperar o que vai acontecer”, analisou o piloto, que parte para a sua 14ª temporada na categoria.

Já Gresse, que não andava na Stock Car desde 2010, estava feliz com seu retorno. “Eu achei que foi bem produtivo, eu imaginava que sofreria até um pouco mais. Achei que no primeiro treino extra, que eu dei oito voltas, eu consegui pegar rápido. Teve alguns pontos, como a questão de andar com pneus usados, e demorou um pouco mais para eu ganhar confiança nas curvas de alta, mas hoje no treino eu consegui melhorar isso e acabamos vendo alguns problemas no carro que temos que melhorar. Depois, quando o Popó andou, ele sentiu a mesma reação. Isso é bom, pois estamos tendo a mesma leitura do carro. Trabalhamos nesse sentido. No treino da tarde, que estávamos com pneus melhores, não consegui andar em virtude das bandeiras vermelhas. Mas, no geral, eu acho que foi bom, estou feliz com esse primeiro contato”, completou o paulista.

Os melhores tempos no segundo treino livre nesta sexta-feira em Curitiba:
1-) 88 Felipe Fraga/Rodrigo Sperafico (Voxx Racing Team) – 1min19s034
2-) 21 Thiago Camilo/Lucas Di Grassi (Ipiranga-RCM) – 1min19s085
3-) 80 Marcos Gomes/Antonio Pizzonia (Voxx Racing Team) – 1min19s118
4-) 29 Daniel Serra/Danilo Dirani (Red Bull Racing) 1min19s217
5-) 65 Max Wilson/Vitor Meira (Eurofarma RC) – 1min19s252
6-) 10 Ricardo Zonta/Laurens Vanthoor (Shell Racing) – 1min19s298
7-) 70 Diego Nunes/Dennis Dirani (União Química Racing) – 1min19s302
😎 18 Allam Khodair/Antonio F. Costa (Full Time Sports) – 1min19s341
9-) 90 Ricardo Mauricio/Guilherme Salas (Eurofarma RC) – 1min19s345
10-) 0 Cacá Bueno/Ricardo Sperafico (Red Bull Racing) – 1min19s415
11-) 46 Vitor Genz/David Muffato (Eisenbahn Racing Team) – 1min19s430
12-) 77 Valdeno Brito/Maxime Martin (TMG Motorsport) – 1min19s446
13-) 14 Luciano Burti/Felipe Giaffone (RZ Motorsport) – 1min19s530
14-) 51 Átila Abreu/Nelson Piquet Jr (Shell Racing) – 1min19s640
15-) 63 Nestor Girolami/Franco Girolami (Eisenbahn Racing Team) – 1min19s650
16-) 111 Rubens Barrichello/Augusto Farfus (Full Time Sports) – 1min19s742
17-) 4 Julio Campos/Allan Heillmeister (C2 Team) – 1min19s860
18-) 12 Lucas Foresti/Luiz Razia (Full Time-ProGP) – 1min19s902
19-) 5 Denis Navarro/Felipe Maluhy (Vogel Motorsport) – 1min19s924
20-) 7 Beto Cavaleiro/Sergio Jimenez (Cavaleiro Racing) – 1min19s931
21-) 8 Rafael Suzuki/Franco Vivian (Vogel Motorsport ) – 1min19s932
22-) 110 Felipe Lapenna/Marco Cozzi (Hot Car Competições) – 1min19s976
23-) 83 Gabriel Casagrande/Marcio Campos (C2 Team) – 1min20s041
24-) 74 Popó Bueno/Beto Gresse (Cavaleiro Racing) – 1min20s258
25-) 45 Fabio Carbone/Vicente Orige (Mico’s Racing) – 1min20s281
26-) 1 Thiago Marques/Cesar Ramos (RZ Motorsport) – 1min20s424
27-) 28 Galid Osman/Damián Fineschi (Ipiranga-RCM) – 1min20s528
28-) 26 Raphael Abbate/Nicolas Costa (Hot Car Competições) – 1min20s692
29-) 66 Felipe Guimarães/Duda Pamplona (Full Time-ProGP) – 1min20s785
30-) 6 Alceu Feldman/Tarso Marques (Mico’s Racing) – 1min20.835
31-) 9 Guga Lima/Tuka Rocha (TMG Motorsport) – sem tempo
32-) 3 Bia Figueiredo/Beto Monteiro (União Química Racing) – sem tempo

Confira os horários para a etapa de Curitiba:

Sábado, 5 de março
08h40 – 09h20 – 3o Treino (qualquer piloto) Stock Car
09h30 – 10h10 – 3o Treino (qualquer piloto) Stock Car
12h00 – 13h00 – Classificação Stock Car – ao vivo SporTV

Domingo, 6 de março

12h30 – Largada Stock Car – ao vivo SporTV

Mais sobre a equipe:
https://www.facebook.com/cavaleirosports
https://www.instagram.com/cavaleiro_sports/

Imprensa:
FGCom
Fernanda Gonçalves / Beatriz de Paula
Tel. 11 4116.5509
fernanda@fgcom.com.br / beatriz@fgcom.com.br

  • Tags: 1ª etapa, Cavaleiro Sports, Corrida de Duplas, Curitiba, Stock Car,
  • Compartilhamento:

Categorias

Visualizar notícias por: