Notícias

Sérgio Jimenez e Popó Bueno buscam recuperação em etapa de muitas possibilidades

  • 21.05.2016
  • Categoria: Outras
  • Fonte: FGCom

Novo regulamento, com pit stop “liberado”, abre leque de opções estratégicas para as equipes na etapa goiana

O autódromo internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), receberá neste domingo (dia 22) a terceira etapa da temporada 2016 da Stock Car, a primeira do ano com o novo regulamento de pit stop liberado, com as equipes podendo parar na primeira prova (até o 35º minuto) , na segunda corrida ou até mesmo arriscar e não parar. Por isso, são muitas as possibilidades para os 28 pilotos que estarão na pista a partir das 13 horas, quando será dada a largada para a prova 1.

Neste sábado (21), na definição do grid, o pentacampeão Cacá Bueno levou a melhor e faturou a pole position. Na equipe Cavaleiro Sports, Sérgio Jimenez largará da 16ª posição e Popó Bueno partirá de 23º. A primeira corrida do dia terá a duração de 45 minutos e mais uma volta. A segunda é mais curta (30 minutos e mais uma volta). O SporTV transmite a rodada dupla ao vivo.

Jimenez, que chegou a andar entre os cinco primeiros nos treinos livres de sexta-feira, esperava um resultado melhor, mas segue confiante. “A gente tinha terminado bem os treinos de sexta-feira, estávamos contentes. Mas, na verdade, nós cometemos um erro hoje pela manhã, durante o treino livre. Fomos para um caminho errado de acerto e isso ficou claro com o tempo que a gente fez”, contou o piloto do Stock #73.

“Acabamos voltando tudo para o classificatório, mas tive um problema e o carro estava bem desalinhado. Temos de verificar o que aconteceu, talvez tenha sido os pneus, porque vibrava muito e estava desalinhado. Isso me atrapalhou um pouco, mas lógico que não foi isso que fez a gente largar lá atrás. Mas poderia ter sido um pouco melhor. A gente tinha uma expectativa grande de terminar entre os 10 primeiros, mas paciência. Agora é colocar os pés no chão e trabalhar com tranquilidade. Vai ser uma etapa de muitas possibilidades”, prevê o paulista de Piedade.

Para Popó o sábado foi ainda mais complicado. “O treino de classificação foi reflexo dos problemas que tivemos nos treinos livres da manhã. Tive um problema na embreagem, que me tirou de quase metade do treino e depois uma quebra. Então, andei muito pouco e isso atrapalha para a classificação, porque a gente não consegue usar o pneu novo, não consegue mexer no carro e mesmo o piloto fica sem referência da condição do carro para a classificação. Isso foi um ponto”, disse o carioca.

“O outro ponto é que detectamos um problema de motor na classificação e, na Stock Car, qualquer um décimo é um décimo e acho que poderíamos estar um pouco mais à frente. O carro deu uma evoluída, mas agora é pensar nas estratégias, questão de consumo de combustível, de pneu, o que vamos priorizar, se vai ser a primeira ou a segunda corrida, isso tudo vai ter de ser pensado”, finalizou o piloto do Stock #74.

O grid de largada em Goiânia:
1-) Cacá Bueno (Red Bull Racing) – a 1min23s818
2-) Rubens Barrichello (Medley Full Time) – a 1min23s916 (0s098)
3-) Marcos Gomes (Cimed Racing) – 1min23s941 (0s123)
4-) Daniel Serra (Red Bull Racing) – 1min23s989 (0s171)
5-) Ricardo Maurício (Eurofarma-RC) – 1min24s187 (0s369)
6-) Allam Khodair (Full Time Texaco) – 1min24s200 (0s382)
7-) Ricardo Zonta (Shell Racing) – 1min24s223 (0s405)
😎 Diego Nunes (União Química Racing) – 1min24s233 (0s415)
9-) Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – 1min24s257 (0s439)
10-) Valdeno Brito (TMG Racing) – 1min24s257 (0s439)
11-) Rafael Suzuki (Geolab Racing) – 1min24s274 (0s456)
12-) Galid Osman (Ipiranga-RCM) – 1min24s300 (0s482)
13-) Felipe Fraga (Cimed Racing) – 1min24s337 (0s519)
14-) Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – 1min24s407 (0s589)
15-) Nestor Girolami (Eisenbahn Racing Team) – 1min24s443 (0s625)
16-) Sérgio Jimenez (Cavaleiro Sports) – 1min24s520 (0s702)
17-) Felipe Guimarães (Full Time Pro-GP) – 1min24s526 (0s708)
18-) Bia Figueiredo (União Química Racing) – 1min24s532 (0s714)
19-) Denis Navarro (Geolab Racing) – 1min24s585 (0s767)
20-) Átila Abreu (Shell Racing) – 1min24s609 (0s791)
21-) Felipe Lapenna (Hot Car) – 1min24s634 (0s816)
22-) Guga Lima (TMG Racing) – 1min24s651 (0s833)
23-) Popó Bueno (Cavaleiro Sports) – 1min24s701 (0s883)
24-) Julio Campos (Axalta C2 Team) – 1min24s921 (1s103)
25-) Gabriel Casagrande (Axalta C2 Team) – 1min24s974 (1s156)
26-) Raphael Abbate (Hot Car) – 1min25s022 (1s204)
27-) Lucas Foresti (Full Time ProGP) – 1min26s500 (2s682)
28-) Max Wilson (Eurofarma-RC) – 1min36s150 (12s332)
Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO

1-) Daniel Serra – 37 pontos
2-) Cacá Bueno – 34
3-) Felipe Fraga – 31
4-) Marcos Gomes – 29
5-) Diego Nunes – 29
6-) Átila Abreu – 29
7-) Valdeno Brito – 28
😎 Rubens Barrichello – 28
9-) Denis Navarro – 25
10-) Max Wilson – 19
20-) Sérgio Jimenez – 5
25-) Popó Bueno – 1

Mais informações sobre a equipe:
https://www.facebook.com/cavaleirosports
https://www.instagram.com/cavaleiro_sports/

Imprensa:
FGCom
Fernanda Gonçalves / Beatriz de Paula
Tel. 11 4116.5509
fernanda@fgcom.com.br / beatriz@fgcom.com.br
www.fgcom.com.br

  • Tags: 3ª etapa, Acelera Jimenez, Cavaleiro Sports, Goiânia, Stock Car,
  • Compartilhamento:

Categorias

Visualizar notícias por: